Palestra – “Como utilizar bases abertas nas investigações”



A AMPCON e o Grupo 4 do II Encontro Nacional do Ministério Público de Contas (II ENAMPCON), coordenado por Thiago Lima, Procurador Geral do MPC/SP, realizarão palestra no próximo dia 27 de maio com o apoio do CNPGC.


A palestra será ministrada pelo Núcleo de Inteligência do MPC-SP e abordará “Como utilizar bases abertas nas investigações: estudo prático sobre o datasus e outras fontes” para a capacitação e o desenvolvimento de núcleos de inteligência nos demais MPCs que ainda não possuem. A palestra será exclusiva aos procuradores e servidores dos MPCs.


Thiago Lima concedeu entrevista para o site da AMPCON e nos falou sobre as ações do Grupo 4 e sobre a palestra.


Redação Ampcon: Thiago, nos explique o trabalho da ação do Grupo 4 do Enampcon


Thiago Lima: O Grupo 4 – “Inteligência Execução” idealizada no segundo ENAMPCON, que formulou propostas para o planejamento estratégico do Ministério Público de Contas brasileiro, visa difundir informações sobre bases de dados, abertas e fechadas, com esclarecimentos básicos sobre as possibilidades de uso nas investigações ministeriais.


Redação Ampcon: Qual o objetivo e importância dessa ação


Thiago Lima: O objetivo é ampliar o acesso às informações e incentivar os colegas do país inteiro a utilizarem ferramentas importantes de coleta, manuseio e cruzamento de dados. Isso tem o potencial de elevar o patamar da qualidade do trabalho do Ministério Público de Contas.


Redação Ampcon: Fale sobre a palestra exclusiva aos procuradores e servidores dos MPCs no dia 27


Thiago Lima: No próximo dia 27 de maio, às 16:00, o Núcleo de Inteligência do Ministério Público de Contas de São Paulo apresentará uma plataforma que concentra bases de dados abertas (mais de 80 bases) e algumas bases de dados fechadas. Será um momento importante para conhecer esse trabalho, ainda em construção, que contará com o imprescindível apoio e participação dos colegas dos outros Estados, a exemplo de Santa Catarina, que já está colaborando intensamente.


Redação Ampcon: Haverá mais palestras e capacitações ao longo do ano?


Thiago Lima: Sim, teremos algumas outras palestras, eventos e capacitações ao longo do ano, de forma a cumprir o cronograma que foi estabelecido no segundo ENAMPCON.


Redação Ampcon: O que você acha da atuação conjunta do MPC com outros ramos do MP?


Thiago Lima: Vejo com entusiasmo a atuação conjunta do MP de Contas com outros ramos ministeriais. Essa interação fortalece e completa o ciclo do controle externo, administrativo e penal.

28 visualizações0 comentário