MPC BRASILEIRO APRESENTA SUA POLÍTICA NACIONAL DE COMUNICAÇÃO E O MANUAL PARA MÍDIAS SOCIAIS


A Política Nacional de Comunicação (PNC) dos MPCs, e o Manual de Orientações para Mídias Sociais Institucionais, foram apresentados em evento virtual realizado na quarta, 16/6, com mais de 200 participantes.


Construído de forma colaborativa, com a participação de assessores de comunicação e representantes dos MPCs de todo País, o documento traz diretrizes gerais para comunicação pública dos órgãos ministeriais de contas. Entre os objetivos da PNC está a promoção de uma comunicação em rede – transparente e com foco no cidadão.


“Conseguimos construir uma Política de Comunicação que atende, de fato, às necessidades de todos os MPCs, além de disponibilizar um manual para atuação nas redes sociais. É com muito orgulho que chegamos a este evento para apresentar nossa política nacional de comunicação e debater com os colegas os rumos da nossa instituição neste cenário digital no qual nos encontramos”, comenta a Procuradora de Contas Silaine Vendramin, do MPC do Pará, que coordenou os trabalhos para formular a PNC.


O evento contou com palestra de Filipi Oliveira, Diretor de Comunicação da Câmara Municipal de Curitiba; Cláudia Lemos, presidente da Associação Brasileira de Comunicação Pública (ABCPública) e jornalista Câmara dos Deputados, e Pamela Lang, Coordenadora Adjunta de Comunicação da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).


Filipi Oliveira compartilhou a experiência no Legislativo Municipal de Curitiba, os desafios e os avanços na comunicação à frente da instituição. Já Cláudia Lemos trouxe importantes reflexões sobre o papel da comunicação pública, especialmente no Brasil. Pamela Lang encerrou o ciclo de palestras falando sobre a comunicação pública no espaço das mídias sociais.


Agora, os documentos da PNC e o Manual de Orientações para Mídias Sociais Institucionais serão encaminhados aos MPCs e amplamente divulgados à sociedade.


O trabalho do grupo de assessores envolvidos, coordenado pela Procuradora de Contas Silaine Vendramin, prossegue visando para o segundo semestre de 2021, a realização de série de campanhas institucionais que serão trabalhadas em rede pelos MPCs.


A iniciativa é da Associação Nacional do Ministério Público de Contas (AMPCON) e do Conselho Nacional dos Procuradores-Gerais de Contas (CNPGC) e faz parte das ações estratégicas dos MPCs brasileiros para o ano de 2021.

18 visualizações0 comentário